Agora nem nómada, nem emigrante.


segunda-feira, maio 10, 2010

Remember the good time



De repente, apago todas as distracções possíveis e avivo a memória. Nunca mais um dia de neve será visto com a alegria de infância. As reticências permanecerão acordadas para que eu possa adivinhar o que está para além da estrada. Seguir em frente é uma opção que não queria saber tão dura. A música diz "You're free, just me and you...". Não há casa que me acolha sem uma réstia de negativismo contra o qual luto. As minhas armas fraquejam. Por que é tão difícil?! Conseguirei resistir à tentação da simplicidade?

Eli

18 comentários:

izzie disse...

Acho um erro resistir à simplicidade...
Já reparaste como tudo flui quando é simples? ao ponto de nem nos darmos conta...

Mas isso sou eu... :p

Beijinho,

Natália Augusto disse...

É nas coisas mais simples que encontramos a beleza, a vida, as recordações que são reavivadas sempre que queremos.
Tenho a certeza que sabes e sentes isso. Vive tudo intensamente.

Beijos Eli

Rambaldini disse...

De acordo com a Lei de Occam (Occam's razor) a melhor solução para um problema complexo é sempre a mais simples.

E...
O homem mais feliz é aquele que der valor às coisas mais simples (Henry David Thoreau)

Ou ainda:
A man is rich in proportion to the number of things he can afford to let alone. (Henry David Thoreau )

Não preciso de dizer mais nada, pois não?

Rambaldini disse...

O negativismo combatesse com doses iguais ou superiores de positivismo! (Será que já alguém escreveu isto?)

Rambaldini disse...

"I would never assume
to lay claim to a room
in your home."


But I don't
"know you like to spend your nights alone."

Natália Augusto disse...

Linda, tenho um prémio para ti. Passa pelo meu blogue quando puderes.

Bjs

Anónimo disse...

As tuas armas fraquejam? Isso só prova que comprar armas no mercado paralelo é um mau negócio!! Faz favor de te dirigir a um armeiro certificado e comprares armas resistentes a fraquejos e à corrosão. :P
Conseguirás resistir à simplicidade? Não sei , mas espero que não consigas. Resistir à simplicidade só atrai complicações.
:))


em_segredo

Celisol disse...

Eli Eli Eli
Tu resistes a tudo se quiseres!
Se calhar não te apetece, e se não te apetece não resistas, até porque as coisas simples às vezes são tão saborosas.
Deixo-te o sabor de um simples abraço :)

Poetic GIRL disse...

Eu gosto da simplicidade, ás vezes na simplicidade das coisas é que está a verdadeira beleza. beijocas

Eli disse...

izzie

Sim, é um erro. De facto, concordo. Tanto que o que escrevi ali não foi que eu resisto à simplicidade, embora possa cometer esse erro. Tudo o que escrevo está entrelaçado com as vivências dos que me "rodeiam" e os pensamentos e acções que são descritos aqui são exactamente aqueles que coloco em prática.

Nao deixa de ser um reflexo meu e uma reflexão contante (minha) este espaço, onde só poderia ser eu mesma, pois tudo o que escrevo sai de inspiração, ou expiração, consoante o ponto de vista.

:)

Eli disse...

Rambaldini

Em primeiro lugar transmito o meu enorme sorriso quando li os teus comentários. Deves saber que fiquei muito agradada com os mesmos, que, desde já, agradeço muito, sorrindo.

Dentro da complexidade da qual todos somos feitos, eu consigo vislumbrar (quase sempre) a simplicidade das atitudes, dos pensamentos, dos gestos, das emoções, etc..

Todavia, para a entender, gosto de a sentir. É estranho, mas conheço pessoas diversas, cujas pouco têm a ver umas com as outras, com as quais eu cresço e evoluo. Talvez por isso diga tantas vezes que "faço o quero". Isto, para mim, é simples.

Gosto de combater o negativismo (que nem me é muito chegado) com o positivismo, para que o realismo tenha espaço para sorrir em mim.

E... precisas sim de dizer mais e mais e mais...

Tens um espaço aqui, tão óbvio como a minha varanda, que, a esta hora, está fria e solitária.

Gostei imenso do que escreveste aqui.

:)

Eli disse...

Natália Augusto

Já passei e parei. Um dia destes, publicarei!

:)

Eli disse...

em_segredo

De tanto lutar, algo há-de fraquejar... ou não?!

Eu não vou resistir à simplicidade daqueles momentos...

:)

Eli disse...

Celisol

Nota-se mesmo que percebeste-me pessoalmente. Acho que viste bem que é exactamente como dizes!

Eu sabia que o lugar ao teu lado era uma "boa aposta"!!!

HEHE

:)

Eli disse...

Poetic GIRL

Eu também. A simplicidade torna os momentos únicos e verdadeiros.

:)

Olga disse...

Ser simples q.b. Ser simples de coração, no amor. Mas muitas vezes temos de ser explosivos, não é? Estou cada vez a acreditar mais nisso...

Eli disse...

Olga

É. Temos que ser o que sentimos.

:)

Jacek disse...

"Everything should be made as simple as possible, but no simpler"

,Albert Einstein


(O que 'as vezes pode ser muito complicado!)

:)