Agora nem nómada, nem emigrante.


terça-feira, maio 29, 2007

Da espera

Nunca soube muito bem o porquê de esperar. Dava-me sempre uma ansiedade terrível e tinha que fazer tudo o que podia para apressar a chegada da vida que queria viver... Talvez não tivesse condições para a espera, ou não valesse a pena esperar e eu sempre o soubesse.
Embora já tivessem tentado obrigar-me a esperar, os peixes não vivem dentro de uma rede. Ou escapam, ou morrem. No entanto, precisam de toda a água circundante. Há dias em que acordo de manhã querendo mudar tudo em segundos. As decisões racionais resultam, quebram, mas não alimentam sonhos nem sentimentos... E, agora sinto-me um pouco à deriva de um barco que me acolheu, mas não me leva a lado nenhum. Apenas vislumbro o Oceano, ora azul, ora branco...
Mania das analogias com o mar...
Eli
:)
P.S. Imagem de Eli...

10 comentários:

Sei que existes disse...

Lindo!!
Há que tentar tudo por tudo para pudermos realizar os nossos sonhos!...
Beijinhos

susana - aveiro disse...

Sim, que mania que tens das analogias com o mar!!És uma marinheira da vida:)
No que me diz respeito, eu acho que já fui mais impaciente. Neste momento não tenho pressas, pois já me dei conta que se eu pudesse apressar a chegada da vida que eu queria, a minha vida acabava num instante...
Bjs

Miguel disse...

A idade traz, creio, a paciência...
Que remédio! ;-)

mixtu disse...

o mar sempre presente
besitos, desaparecida :)

pedropina disse...

eu amo o mar

vês como ele te entende?

existe uma espera, k nao é uma espera...k é kdo se olha para o mar e se sente o cheiro e a cor e a imensidao de k tudo isto sao so pormenores insignificantes perto de um infinito de agUA...

o alquimista disse...

Um raio de fino luar, tocou a tua alma inquieta, abriu-se de par em par a janela, deixou entrar o amor, paixão desperta...


Bom fim de semana


Doce beijo

Daniel Aladiah disse...

Se não andarmos, não respiramos... (os peixes, talvez nós...)
Um beijo
Daniel

Tó-Zé disse...

linduu o texto..
adorei mto a parte que falas do mar..
eu amo olhar para o mar..

beijinho
continua assim a escrever
muitos parabens=)

mixtu disse...

As decisões racionais resultam, quebram, mas não alimentam sonhos nem sentimentos...
talvez... ou talvez não...

gracias :)

C.Sophia disse...

adorei o teu blog, esta de parabéns...tens uma maneira fantastica de transparecer as palavras...bj