Agora nem nómada, nem emigrante.


quarta-feira, novembro 11, 2009

Aceitação

Nem sempre consigo aceitar uma verdade para a qual não estou preparada. Prefiro a realidade à ilusão, o positivismo ao negativismo, o acontecer ao esperar...

Talvez precise mesmo de mudar a visão de um caso ou vários. Olhar como um passado reflectido. Mesmo que isso signifique não ser natural.

Eli

:)

20 comentários:

mixtu disse...

curioso qu penso como usted...
e dou-me bem com isso, +posso +e ter problemas mas que se dane...

abrazo serrano

Anónimo disse...

Nalguns dias, nalguns momentos, com algumas pessoas, fazemos todos um bocado de ''teatro''.
Perde-se naturalidade, ganha-se peso na consciência, mas socializa-ce melhor com o meio envolvente.
Na política, Tv, desporto e até na nossa vizinhança, família e amigos ,sem esquecer nós mesmos, o que não faltam são acotres/actrizes com ''representações'' dignas de um Oscar.
Será isso correcto? Cada qual que decidida por si e para si.
:-))

em_segredo

Vagabundo Social disse...

Eu por exemplo vejo-me lixado para aceitar quando o Benfica perde... LOL Olha Eli, quanto ao jantar de bloggers, é um pouco difícil... Vivo longe de Lisboa e, além disso, estou no blogger há pouco tempo, não conheço, mesmo virtualmente, muitos bloggers, de maneira que não sei se me atreverei, como pede a imagem relativa ao encontro... De qualquer forma agradeço o teu convite, que percebi que foi genuíno.. Beijos **

Eli disse...

mixtu

Atchim

Sabes, acho que acabamos por ser de variadas formas. Dependerá da situação!

:)

Eli disse...

em_segredo

Em que situações não representas?! Já pensaste nisso? Também és um actor social!

:)

Eli disse...

Vagabundo Social

Genuíno, como eu!

:)

Gostei. No entanto, tenho a dizer-te que conheço apenas uma pessoa (que vai) pessoalmente. Com os outros, nem tenho o contacto sequer. Acho que se me fizessem o convite da mesma forma como te fiz a ti, considerava a hipótese de ir.

:)

ηatalie αfonseca disse...

Por vezes não conseguimos aceitar a verdade, mas nessa mesma realidade temos de ser positivos! :)

Nilson Barcelli disse...

És uma pessoa normal, porque todos têm dificuldade em aceitar algumas verdades...
Querida amiga, tem um bom fim de semana.
Beijos.

Anónimo disse...

ADOREI....FEZ-ME PENSAR...

BJOKINHAS

EM@NUEL

Eli disse...

ηatalie αfonseca

Estes pensamentos não fazem muito sentido!

:)

Eli disse...

Nilson Barcelli

Bom fim de semana para ti também!

:)

Eli disse...

Emanuel

A mim também...

:)

Vieira Calado disse...

Ah...

beira mar!...

Cumprimentos meus

Eli disse...

Vieira Calado

Um dia, terei tudo isso e muito mais à disposição!

:)

Professorinha disse...

E o que é verdade? e o que é ilusão? Às vezes vivemos coisas que nos parecem sonhos e são bem verdadeiras... outras vezes a realidade que julgamos certa é, no final, uma ilusão...ou um pesadelo...

Márcia disse...

Lindo... sem dúvida.
Mas é melhor aceitar a realidade do que viver na ilusão.

Beijinhos

Eli disse...

Professorinha

Mesmo assim, gosto de ver as coisas pelo lado positivo.

:)

Eli disse...

Márcia

A Ilusão é boa para contar histórias encantadas.

:)

Daniel Silva (Lobinho) disse...

Nao percebi :( Muitas vezes nao consegues aceitar a realidade para a qual nao estás preparada mas prefere-la à ilusão! É o que dizes. Significa, então, que tens uma enorme capacidade de lidar com a realidade.

Eu penso que o excesso de realismo torna-nos cépticos, e talvez por vezes devamos aceitar um pouco de ingenuidade, ou pelo menos inocência, como quem sonha algo que almeja mesmo nao tendo...

Pelo pouquissimo que "conheço" de ti, nesta virtualidade, tens algo a teu favor: a assertividade, o pragmatismo. Claro que, em doses excessivas pode ser mau, mas pessoalmente sou um daqueles ingénuos que, se clahar, prefer "negar" a realidade mesmo sabendo-a real (passe a redundância)...

Um beijinho amigo

Eli disse...

Lobinho

Muito obrigada pela simpatia. Mesmo. Acredito que são palavras assim que me fazem chegar aqui e sorrir por dentro. É verdade que são motivos para voltar a escrever. Quanto a explicações sobre o que escrevo, muito dificilmente conseguirei dá-las. Não por me recusar, mas por nem eu saber ao certo como escrever de outra forma...

:)