Agora nem nómada, nem emigrante.


terça-feira, agosto 15, 2006

Vivo!



E parei mesmo ali.
As ondas de calor banhavam os rostos da lenha...
Foram trazidos poemas soltos em agulhas de consertar.
Às vezes os toques profundos não se vêem.
...Ou o mesmo carro só passe uma vez.

No escrito do quarto, só o amor é o talvez.
Os pingos de tinta são as gotas de suor das paredes.
Encontrou-se frente a uma árvore.
Quis lutar com ela.
Bocejou.

Acredito que existem sempre dias melhores. O outro dia será sempre melhor no nosso pensamento e a segurança do que foi não será mais desejada!

Vivo-o...

Sou muito mais do que isto. Sou o Teatro que assisti, no Sábado. Sou o cinema que vi esta noite. Sou o completar de tantos à minha volta, que se identificam com o pouco que tenho. Sou alguém que anseia a verdade nua e crua ao invés de qualquer falta de palavras. Eu gosto das palavras, gosto que as usem. Apaixono-me com elas, através delas... Gosto de ser, existir, viver, sorrir...

Eli

:)

P.S. Foto de Eli.

24 comentários:

CM disse...

Somos duas...
Beijo, com essência de vida...

little_blue_sheep disse...

lindo!!!!
;)
*

GK disse...

Identifico-me em absoluto com a última parte do teu texto.

Bj.

libertynus disse...

fazes bem

Luigi disse...

Ainda bem que gostas de ser, existir, viver, sorrir...
Linda a imagem, sereno o teu espaço

baci per te

mixtu disse...

:p

Rita disse...

Olá Eli:) Só cheias de amor por nós é que temos para dar aos outros, é bom:) Felicidades**:)

Joaquim Amândio Santos disse...

ser o que sou
ser o que quero
ser.
para lá do respirar!

filos disse...

Bem só tenho a dizer:
Grande paça...
Belo Filme!!!
Óptima companhia!!!;)

o alquimista disse...

Gosto de ser, existir, viver, sorrir...Um correcto caminho para a felicidade...só te falta começar a acreditar...
Um doce beijo

almaqueabsorveaslagrimas disse...

Gosto das definições :D gostei do texto.. Transmite boas vibraçoes.. e isso é mt bom

beijos


PS: A Foto está mt boa :D
**

Kalinka disse...

ELI:

QUE LINDO...ARREPIANTE.

Belas palavras as suas...

Eu também quero acreditar que existem sempre dias melhores.
Também sou o cinema que vi esta tarde...
JÁ SOMOS DUAS A PENSAR DA MESMA MANEIRA: Sou alguém que anseia a verdade nua e crua ao invés de qualquer falta de palavras. Eu gosto das palavras, gosto que as usem. Apaixono-me com elas, através delas...

AH...COMO EU GOSTO DE SER, EXISTIR, VIVER E SORRIR...
Beijo-te com carinho.

Ana P. disse...

Oh Eli, eu acreditei tanto em palavras que agora só me bastam os actos e atitudes que tenham para comigo.

Mas continuo a acreditar que existem sempre dias melhores e acredito que amanhã será muito melhor que hoje.

beijinho

Keimadela disse...

Mais nada! adorei ler, sentir...bj

Apeles_E disse...

eu queria tanto ir ao teatro. ^^

Nilson Barcelli disse...

Eu sabia que tu gostavas de viver.
Vive, pois foi para isso mesmo que foste criada...
Beijinhos.

antonior disse...

Olá, Eli!
Estou de volta!
Gostei das pingas de tinta que são suor a valer....
Espero que a Alma da poesia esteja bem...mesmo.
:-) :-) :-) :-) :-) :-)

o alquimista disse...

Passei para te deixar um doce beijo...

Musician disse...

Um post muito positivo, gostei :)
Sê feliz!
Um beijo*

Kalinka disse...

ELI:

Já deixei o meu comentário noutro dia, hoje passo para desejar bom fim de semana.

Beijokas.

vida de vidro disse...

E como é bom sermos "muito mais que isto"! Gostei muito do teu texto. Identifico-me com ele, acredita. **

Moranguita disse...

linda foto... o meu <3 anda apaixonado... m pronto... a vida tem destas coisas... espero k xteja td bem ctg... bjto

Clife disse...

Já sabes o que penso, mas deixo-te hoje aqui um abraço daqueles que bem conheces :hug: *

L disse...

AS palavras escritas, ditas ou não...guardadas em contenção, vertidas pelos olhos quando no corpo a lotação esgotou de vocábulos, são a vida que corre nas veias da alma, é o sangue motor de todos os outros tipos de força.
Grata pela visita ao Festival Altitudes, lamento não ter podido estar mais tempo com todos... Beijinhos e regressa sempre à Serra do Montemuro!