Agora nem nómada, nem emigrante.


quarta-feira, setembro 06, 2006

A Lua desta Noite


Entrelaçaram-se as folhas, enquanto as mãos assobiavam como pássaros. Não é da exactidão, nem das certezas que o cálice bebe, ou entorna... ele existe em cima da montanha.
No momento de exactidão, a água parou e bebeu do tempo e do momento. Milhares as aves que não fizeram observações de homens destemidos.
As histórias incapazes prevalecem, as palavras vindouras não aborrecem, porque sabem a beijos consentidos.
A cor não é definida...


Pé ante pé, reconheço-te nos ramos das árvores, em que escrevo apenas as linhas de uma história não escrita, apenas surgida, contada, consentida. Abraço o momento da Lua além dos nossos olhos.

Aquele astro envolto em nevoeiro. Noite cúmplice. Entrelaçam-se os ramos das árvores cinzentas pela noite... perde-se o castanho e o verde e o caule é um tronco de emoção.

Eli

:)(:

P.S. Foto de Eli.

19 comentários:

GK disse...

Também vi a Lua hoje. Está impressionante. Não admira que te tenha inspirado...

Bj.

RPM disse...

olá Eli

cá estou nas terras de Jesus Cristo...

um abraço de amizade etudo de bom para esses lados

RPM

André Ferreira disse...

Tenho pena mas perdi essa Lua! Sei que hoje ao olhar o céu já não encontrarei esse luar: mas hoje a Lua ainda vai estar mais brilhante e para ela olharei.
Beijinhos

Rita disse...

passei p aki pa te dzr um "oi" ... e te mandar um bjto

filos disse...

Bela noite e bela a alegria que te inspira;)

mixtu disse...

1º:a foto ... linda e tua...

a noite... momento de amar...

pd. voltámos aos comments minusculos? yaya

besitos europeus

Luigi disse...

Há muita cumplicidade entre ti e a natureza, isso é inquestionável :)

Dani disse...

Estava uma bela lua esta noite, sim senhor. E uma bela sucessão de sentires incutiu ela em ti.

Beijos

o alquimista disse...

Tu és uma planta, uma flor com diamantes de orvalho...

Doce e terno beijo

relatosdeumruivo disse...

Mágica... Sempre mágica...

João ao Lado do Mar disse...

O amor na árvore é uma boa sugestão...
td bem ctg eli?
espero que sim :)
um beijinho cheio de sorrisos ;)

Ivo disse...

A lua é assim... mágica!!

Commo dia aquele senhor do norte:
«Lua, lua,
eu quero ver o teu brilhar,
lua, lua, lua,
Eu quero ver o teu sorrir.

Leva-me contigo,
mostra-me onde estas,
é que o pior castigo
é viver assim, sem luz nem paz,
sozinho com o peso do caminho
que se fez para tras...
Lua, eu quero ver o teu brilhar,
no luar, no luar.»

Excelente foto!!

Bj

Clife disse...

[sorrindo em silêncio... pois quais palavras expressam tamanho felicidade de te ver assim como neste post te decifro]

...

*

Musician disse...

Um post lindo como sempre!
Eu amo a noite :)

Beijinho doce*

Apeles_E disse...

pode parecer estúpido, mas a expressão que mais gostei foi "reconheço-te nos ramos das árvores" *

Sofia Covas disse...

Ao princípio pode até nem fazer sentido, mas à medida que se lê este post, mergulha-se nele... e já se não consegue sair, porque de repente faz todo o sentido. Todo.
Bjo**

Estranha pessoa esta disse...

Daqueles post's que primeiro estranha-se.
Depois... entranha-se.

Gostei... mesmo!
E a foto? Entranhou-se logo. :)

Um bom fim-de-semana

Kalinka disse...

AMIGA ELI

Lindo ter encontrado este texto sobre a Lua.
Estive agora, 7 dias em Marrocos e, adoro olhar o céu em África. Ao olhar o céu vi a Lua e estava em quarto crescente e eu a imaginá-la quando estivesse em Lua Cheia, o belo luar que iria proporcionar. Acredita que na última noite que passei lá, estava mesmo Lua Cheia, adorei.

gostei:
Abraço o momento da Lua além dos nossos olhos. Aquele astro envolto em nevoeiro. Noite cúmplice.

Beijos com carinho.

Camélia disse...

Lindo entrelaçar

Beijinhos