Agora nem nómada, nem emigrante.


terça-feira, dezembro 21, 2010

apagou-se o raio da luz





























































































3 comentários:

Gonçalo disse...

Queres um homem alto para mudar a lâmpada?

;)

Um beijo e um mimo *:)

Daniel Silva (Lobinho) disse...

Passo para deixar os votos interiores de um Natal com Paz, independentemente da concepção aque se tenha dele.

Com amizade e sem abraços,

Um beijo

Lobinho

Anónimo disse...

Convém pagar as facturas à EDP , ou aqueles senhores mauzões , os que ganham balúrdios em comissões e prémios de gestão e produtividade , apagam a luz na casa de quem não iluminou o saldo corrente da empresa, pagando! lool
Que não se apague o teu brilho, já que luzes electricas há muitas.
:))

em_segredo